Benvindo a Pirenópolis
Benvindo a Pirenópolis

Mangaba

O fruto e a flor

A mangaba, Hancornia speciosa, da família Apocynaceae, é, aqui em nossa região, um fruto típico de cerrado senso estrito de encostas e campo sujo. Floresce de agosto a novembro e, curiosamente, frutifica em novembro, muitas vezes junto com a floração ocorre a frutificação. É que suas flores só produzem seus frutos para a safra do próximo ano. Suas flores são brancas, levemente perfumadas e melíferas. Culturalmente, diz-se que dia de colher mangaba é o dia de finados, dia 02 de novembro.

O fruto da mangaba é carnoso com polpa suculenta e uma casca em forma de pele bem fina. Maduro, apresenta a coloração verde com nuances amarelo e vermelho. A mangabeira é ótima produtora de látex, sendo até mesmo utilizada para coleta do mesmo. Daí o fruto, mesmo maduro, apresenta uma grande quantidade de latex, sendo impossível comê-lo verde. O ideal é consumi-lo bem maduro depois que derrubado no chão, isso se a concorrência permitir, pois a mangaba é muito disputada pelos animais silvestres.

Muito saborosa, a mangaba é doce e suculenta, apesar do látex que pega um pouco. Além do consumo em natura, encontra-se a mangada em forma de sorvetes e geléias.